quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Agropecuária, Meio Ambiente
Tamanduá bandeira salvo no HV da UniFil volta para vida livre numa reserva
09/02/2024
Espécie em extinção e raro no Norte do Paraná, o animal macho havia sido resgatado no município de Wenceslau Braz
Por: Redação
tamnduá bandeira HV Unifil resgate soltura conexão agro
Tamanduá Bandeira
Vídeo: HV da Unifil
Tags: Tamanduá Bandeira

Um tamanduá bandeira de aproximadamente dois metros foi solto em uma área de reserva após mais de 20 dias de cuidados no Hospital Veterinário da UniFil.

Espécie em extinção e raro no Norte do Paraná, o animal macho havia sido resgatado no município de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro. Chegou na primeira quinzena de janeiro em estado grave com fratura no rabo e exposição óssea, perfurações no tórax e outros ferimentos pelo corpo. "Provavelmente foi atacado por cães, estava desidratado e desnutrido, bem caquético. Precisou de cirurgia e cuidados intensivos. Exigiu muito empenho da equipe para salvá-lo" - diz a médica veterinária Daniele Martina, coordenadora do HV com especialidade em animais silvestres.

tamanduá bandeira conexão agro
Clique para assistir:
https://youtu.be/c8CQkW9vPZ8?si=zI6XXNto5UXlhQPf

 

Técnicos do Instituto Água e Terra (IAT) e da UniFil levaram o tamanduá para soltura na manhã de quarta-feira (dia 7), num local sigiloso para evitar riscos ao bicho. "Em 10 anos de atendimento no HV, esse foi o quarto animal da espécie que acolhemos. Ou seja, são pouquíssimos indivíduos na nossa região. O tamanduá bandeira é mais comum em áreas de cerrado" - comenta a veterinária. Além do tratamento para curar a fratura e demais ferimentos, a equipe do Hospital Veterinário teve que adaptar a alimentação. "Normalmente o tamanduá come formigos e cupins, mas não tínhamos como capturar o suficiente para alimentá-lo durante o tratamento. Superamos a dificuldade com outras comidas" - relata Daniele Martina. O animal se recuperou bem e pesava cerca de 30 quilos ao ser solto.

O Hospital Veterinário da UniFil é o único no Norte do Paraná credenciado pelo Governo do Estado como Centro de Apoio à Fauna Silvestre (CAFS). No trabalho em parceria com IAT, Ibama, Força Verde, Secretaria Municipal do Meio Ambiente e outras instituições ambientais, recebe frequentemente espécies resgatadas. Mesmo animais em aparente estado normal são encaminhados ao HV para avaliar as condições de saúde antes da reintegração à natureza ou a espaços apropriados para a vida livre. "É um trabalho de grande importância para a fauna" - ressalta a coordenadora do HV da UniFil.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Podcast

Coluna Podcast

belagrícola tecnologias solo - Conexão Agro
Coluna 182 - Dia Mundial do Solo
29/11/2023

Solo: recurso fundamental para o futuro do planeta. Na coluna “Conexão Agro”, ouça reportagem completa sobre a integração de conhecimentos e a regionalização da pesquisa do solo no Paraná

Botão Player

Cotações

Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.

News Letter

Calendário

Calendário