segunda-feira, 24 de junho de 2024

Destaques

Governo do Paraná sanciona lei que cria a Rota da Lavanda

Tags: lavanda, rota da lavanda, turismo rural

O governador Carlos Massa Ratinho Junior sancionou na sexta-feira (24) a Lei nº 21.372 que institui a Rota Turística da Lavanda no Paraná, que abrange cinco municípios de quatro regiões do Estado. A rota foi lançada há um ano para promover o turismo rural e os produtos que têm a flor como matéria-prima. É formada por propriedades localizadas nas cidades de Carambeí e Palmeira, nos Campos Gerais, Toledo, no Oeste, e Londrina, no Norte, além do campus da UEM de Umuarama, no Noroeste.

“O turismo paranaense se reinventa a cada dia, e a Rota da Lavandas é mais uma oportunidade de promover as belezas que o Paraná produz. É uma iniciativa que leva empregos e geração de renda a diversas famílias do nosso Estado”, destacou Ratinho Junior.

A lei foi aprovada em fevereiro pela Assembleia Legislativa. Já a configuração da Rota da Lavanda foi uma iniciativa do programa de Turismo Rural do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná – Iapar-Emater (IDR-Paraná) para incorporar uma nova opção para geração de renda nas propriedades, além de mostrar ao visitante onde é possível encontrar pontos turísticos e cenários de lavanda no Estado.

Além da beleza e do perfume dos lavandários, os turistas que visitam as propriedades podem experimentar produtos como chocolate, geleia e sorvete de lavanda. Também é possível acompanhar o processo de extração de óleos e essências destas plantas, tanto na lavoura quanto no laboratório.

Pontos turísticos

Em Carambeí, a rota passa pelo Her Dorp, um vilarejo de migrantes holandeses focado no turismo rural. Além de conhecer a lavoura, quem vai ao vilarejo pode acompanhar o processo de transformar a planta numa variedade de produtos artesanais. A propriedade conta, ainda, com uma queijaria e também oferece o contato dos visitantes com bezerros.

Em Londrina, o foco da propriedade Santa Lavanda está no turismo de experiência. Os visitantes são recebidos com uma água saborizada e shortbread de lavanda, um tradicional biscoito holandês. Em seguida, assistem a uma palestra sobre os benefícios da planta e a diferença das espécies e, então, seguem para o campo onde aprendem a podar e podem levar um buquê de lavandas para casa como presente.

Quem não conhece o sorvete, a geleia de lavanda e o chocolate com a planta, vai poder experimentá-los no Lavandário Vale dos Sonhos, que fica em Palmeira. Além do campo de lavandas, o espaço conta também com três lagos, um celeiro country e oferece ensaios fotográficos e visita guiada com agendamento prévio. Os turistas também podem comprar produtos no armazém e participar de cursos de aromaterapia.

Toledo, na região Oeste, também faz parte do roteiro com a propriedade Alfazenda. Ela oferece um espaço para venda do que é produzido no local e explica sobre o cultivo da lavanda e a extração do óleo essencial.

Já quem quer saber mais sobre a extração do óleo especificamente e como ele pode ser utilizado no dia a dia deve visitar o laboratório TEC BIO, da UEM, que fica em Umuarama. Lá é possível acompanhar o preparo das amostras e a montagem dos equipamentos para extração do óleo e a análise de qualidade, além de ajudar na produção de um creme hidratante. É possível também conhecer o cheiro de 25 diferentes óleos essenciais e testar diversas combinações de sinergias.

Fonte: AEN

 

Banner Conexão Agro Anúncio 728x90

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Podcast

Coluna Podcast

Coluna 197 - IAT conclui adequações na regulamentação da suinocultura
19/06/2024

Coluna Conexão Agro na UEL FM destaca a proposta de adequações na regulamentação da suinocultura no Paraná preparada pelo IAT e o novo Plano Safra, que será anunciado na próxima semana

Cotações

Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.

News Letter

Calendário

Calendário