domingo, 16 de junho de 2024

Agronegócio

Produtor deve estar atento às oportunidades para aumentar produtividade e rentabilidade

Tags: agricultura familiar, agroindustria, agronegócio, Cooperativismo

A boa gestão da safra segue um planejamento do início ao fim do ciclo de produção. O produtor precisa estar atento às oportunidades não só para alcançar produtividade e rentabilidade, mas também para buscar a diversificação dos investimentos.
“Gestão e Comercialização” é a palestra que o CEO da Semegrão, Silvio Sugueta, vai proferir dia 8 de novembro, na Arena Agro Futuro, na 5º AgroBIT Brasil 2022, evento que vai até dia 9 no Parque de Exposições Ney Braga, em Londrina.
Sugueta ressalta que, em sua abordagem, vai falar sobre a gestão em todo o ciclo de produção, desde a compra de insumos, plantio, manejo, assistência técnica à comercialização da safra.
O CEO, afirma que, em cada uma das fases de produção, existem oportunidades para aumentar a produtividade e rentabilidade da safra.
“Seja na compra com mais informação; com a união entre os produtores, como se fosse uma compra coletiva; seja o sistema de produção, que precisa estar alinhado com uma consultoria econômica para elevar os níveis de produtividade. Já na comercialização é preciso ter o entendimento dos mecanismos de venda, também através de papéis na bolsa. Acho que, nesta nova era digital, se torna importante para o produtor, cada vez mais, ter outras ferramentas de comercialização do que, simplesmente, depositar o seu produto em uma empresa e aceitar esse modelo como o único possível”, orienta.
Sugueta acrescenta que o produtor deve usar as ferramentas disponíveis para a gestão de receitas. Hoje são vários os programas existentes no mercado.
Ele aponta que o agronegócio é um campo fértil de startups, que oferecem soluções acessíveis para o produtor rural com bom custo e benefício.
Sugueta acrescenta que uma boa gestão deve levar em consideração a formação de equipe.
O CEO lembra que o Brasil vive um cenário de escassez de oferta de mão de obra qualificada e, investir em treinamento, tanto de equipe própria ou terceirizada, é um ativo importante.
Num cenário de juros mais altos, o produtor pode aumentar o lucro através de consultorias financeiras.
“Comprar terra é cada vez mais difícil. Os valores por alqueire subiram muito. Em contrapartida a atividade continua sendo muito rentável, desde que tenha um índice de produtividade bom. É preciso saber onde compor a carteira e não investir só em maquinário ou em itens que, obviamente, ajudam a melhorar a qualidade da atividade. Às vezes, vale a pena comprar uns lotes urbanos, imóveis, partindo para a diversificação da carteira. Não sabemos as mudanças políticas que podem acontecer. É bom ter um pé em outros setores como investimentos, o que pode garantir mais tranquilidade”, conclui Sugueta.
A realização do AgroBIT 2022 é da Sociedade Rural do Paraná (SRP), Sebrae, FB Group-Eventos e AgroValley Londrina.
 
 
SERVIÇO
Evento: 5º AgroBIT Brasil 2022
Data: 8 e 9 de novembro de 2022
Local: Parque de Exposições Governador Ney Braga
Inscrições: https://www.agrobitbrasil.com.br/
 
 
 

Banner Conexão Agro Anúncio 728x90

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Podcast

Coluna Podcast

Coluna Conexão Agro Rádio UEL Sucessão Familiar - Conexão Agro
196 - Planejamento sucessório pode evitar disputas por herança
12/06/2024

Planejamento sucessório é estratégia crucial para prevenir disputas relacionadas à herança de propriedades rurais. Confira na Coluna Conexão Agro desta semana

Cotações

Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.

News Letter

Calendário

Calendário