quarta-feira, 19 de junho de 2024

Destaques

Proteína da Seda, o alimento do futuro, será apresentada na ExpoLondrina

Tags: bicho-de-seda, expolondrina 2023, fibroína, inovação

Você sabia que a seda também pode ser usada na indústria alimentícia? A proteína extraída dos fios de seda brasileiros, também chamada de fibroína, é usada ativamente por foodtechs norte-americanas. E, claro, a ‘’proteína do futuro’’ também pode ser explorada aqui no Brasil. Este tema será abordado na “Silk Talk – Proteína da Seda: alimento do futuro”, realizado pela Associação Brasileira da Seda (Abraseda), durante a ExpoLondrina.

Pesquisas científicas identificaram que a proteína dos fios de seda, quando aplicada nos alimentos in natura, forma uma camada protetora que retarda os três mecanismos principais que causam a deterioração da comida. A proteína da seda retarda a desidratação, além de evitar a oxidação e proliferação de microrganismos nos alimentos. A tecnologia garante alimentos frescos por mais tempo e de forma sustentável.

O Silk Talk promovido pela Abraseda vai apresentar essa novidade para o público. O evento contará com palestras de especialistas internacionais clientes da BRATAC, como a MORI (top-50 Start-Up de Food Tech no Vale do Silício) e a CANON (multinacional japonesa high-tech). Em seguida, o evento promoverá o debate entre cientistas responsáveis pelo Projeto Seda, que desenvolve funcionalidades tecnológicas em nutrição e impressão de alimentos a partir de proteínas do bicho-da-seda no Brasil.

A exploração da proteína da seda gera ainda mais valor à produção de casulos do bicho-da-seda para os sericicultores, além de abrir novos segmentos de mercado para o setor. A organização e mediação do evento é de Renata Amano, presidente da Abraseda e contará com a interação das pesquisadoras Ingrid Felicidade, Sandra Regina Lepri e Sandra Helena Prudencio.

O evento colabora com o ODS-2 “Fome Zero e Agricultura Sustentável”, e é voltado para agricultores em geral, profissionais da indústria de alimentos e nutrição, químicos, empreendedores e start-ups. O Silk Talk acontecerá no salão Smart Agro, dia 12 de abril, a partir das 14h, na ExpoLondrina.

SERVIÇO

Evento: ExpoLondrina – “Silk Talk – Proteína da Seda: alimento do futuro”
Local: Salão Smart Agro, Parque de Exposições Governador Ney Braga
Data: quarta-feira, 12 de abril, às 14h
Inscrições gratuitas: https://forms.gle/2nwtSNZ3J7tHPj5x9

Palestrantes

Rebeca López-García, Ph.D vice-presidente em Segurança Alimentar da Mori – Cambridge Crops, Inc, e
Yoshiaki Yoshida, diretor de engenharia de produtos da Canon, Inc, sediada em Boston, MA, EUA.

Mesa-redonda
Renata Amano (moderadora): mestre em Direito Empresarial e possui MBA em Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria pela FGV. Atuou como diretora regional responsável pelas áreas de ética e compliance em multinacionais de tecnologia da informação. Atualmente é diretora da Fiação de Seda Bratac, única do segmento no Brasil. Presidente da ABRASEDA e Diretora Regional do Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial da FIEP. Representa o Brasil na rede internacional da seda “Silk Cities” e nomeada Vice-Chair da associação internacional da seda “Silk Union“.

Ingrid Felicidade: bacharel em Biomedicina e Nutrição (UniFil, Londrina-PR). Mestrado e Doutorado em Patologia (FMB/UNESP, Botucatu/SP). Pós-doutorado em Genética e em Nutrição e Saúde Coletiva (FMB/UNESP, Botucatu/SP). Estágios como pesquisadora realizados em Wageningen University e Maastricht University (ambas na Holanda) e na University of Eastern Finland (Finlândia). Docente do Colegiado de Nutrição da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Sandra Regina Lepri: bióloga e biomédica com doutorado em Patologia Experimental. Professora e pesquisadora da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Integrante do grupo de pesquisa de Genética Toxicológica com experiência em cultura de células humanas e biologia molecular. Na área de ensino trabalha com produção de material didático em impressão 3D.

Sandra Helena Prudencio: graduada em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Mestre em Ciências de Alimentos pela UEL. Doutora em Ciências dos Alimentos pela Universidade de São Paulo. Docente da UEL desde 1991, atualmente na classe Associado C, junto ao Departamento de Ciência e Tecnologia de Alimentos e Programa de Pós-graduação em Ciência de Alimentos (nível Mestrado e Doutorado). Foi Vice-chefe do Departamento de Ciência e Tecnologia de Alimentos em três gestões. Foi Coordenadora da Comissão Coordenadora do Programa de Pós-graduação (em Ciência de Alimentos em duas gestões). É Bolsista de Produtividade em Pesquisa 2 pelo CNPq. Experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em química, bioquímica, propriedades funcionais de proteínas e análise sensorial de alimentos e de matérias primas alimentares.

Banner Conexão Agro Anúncio 728x90

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Podcast

Coluna Podcast

Coluna 197 - IAT conclui adequações na regulamentação da suinocultura
19/06/2024

Coluna Conexão Agro na UEL FM destaca a proposta de adequações na regulamentação da suinocultura no Paraná preparada pelo IAT e o novo Plano Safra, que será anunciado na próxima semana

Cotações

Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.

News Letter

Calendário

Calendário